O primeiro reveillón de nós três!


Nosso primeira passagem de ano precisava ser especial. Depois de um ano tão especial e tã0 difícil, a gente merecia estar entre pessoas queridas em um lugar delicioso. E, graças a Deus, isso aconteceu!

Fomos para Mineiros do Tietê, uma cidadezinha perto de Barra Bonita, no interior de São Paulo. Fomos à convite da Maricota e do Yochi, nossos ex-vizinhos e amigões de coração. Eles têm uma casinha lá em um condomínio que é uma delícia, perto do Rio Tietê, onde ainda dá para se banhar nele. Lá é super tranquilo e dizem que tem uma mosquinha que pica a gente quando qualquer pessoas chega lá. Aí, a gente fica pulando da cama pra rede, da rede pra cadeira, da cadeira pra piscina e da piscina pra cama de novo. Uma preguiça só, hahahahah!

Antes da viagem
Eu pesquisei bastante na internet sobre viajar com bebês. Achei coisas legais para a gente se basear, mas a melhor de todas foi uma matéria do site bebe.com.br A gente já tinha ido para Ubatuba com ele aos 3 meses e eu não me preparei em nada, hehe… Dessa vez, eu não quis esquecer um remedinho, uma distração, qualquer detalhe que pudesse colocar a gente em apuros. E deu tudo certo! Não foi nada demais: fiz uma farmacinha completa, levei distrações no carro, fomos preparados psicologicamente para possíveis imprevistos (vômitos, enjoos, cocôs fora de hora, choro, etc)… Além disso, tivemos calma para parar em dois lugares para trocar a fralda dele, dar uma espairecida e distraí-lo. Isso o fez dormir mais durante a viagem e foi super tranquilo.

A primeira noite de sono
Nós levamos o bercinho portátil que compramos no Mercado Livre para ele dormir. Desde que chegou, eu tentei deixá-lo brincando no bercinho aqui em casa mesmo para ele ir acostumando, mas ele não gostou muito da ideia. Prefere ficar se arrastando pelo chão, claro! Portanto, ele não estava nada acostumado ao bercinho. Pensamos: seja o que Deus quiser! Não foi tão ruim assim… Ele dormiu no colo na primeira noite (lógico) e acordou no meio da noite olhando para o quarto e chorando, coitado. “Mamãe, aonde eu estou? Cadê meu quarto? Cadê meu berço?” Uma mamadeirinha depois, ele já estava dormindo e as outras noites foram mais tranquilas.

Os fogos da meia noite
Conheço várias crianças que têm medo dos fogos. Bom, no dia em que o João veio pra casa era uma final de campeonato do Corinthians e tava uma bagunça só por aqui. Ele nem se mexia no alto dos seus 4 dias de vida. E todo jogo é assim: fogos e mais fogos. Lá no condomínio teve estouro o dia inteiro e ele nem ligou. O Nino, cachorrinho da Renata (mãe da Mari) assustava mais que ele. Só que, à noite, quando ele estava com sono, qualquer barulho o assustava, tadinho. Ele ficou o tempo todo no meu colo. Não deu para colocá-lo no berço. Perto da meia noite, a gente deu uma agitadinha nele para ele acordar e aí foi só alegria! Ele gostou de tudo, ficava olhando fixamente para as luzes… Se uma delas ofuscava a vista, ele virava para o outro lado e depois voltava a olhar para os fogos. Ele gostou bastante e dormiu bem. É um anjo! Heheheh…

Santa piscina
Tem coisa mais gostosa pra criança do que piscina? Na minha opinião, não tem! Eu lembro até hoje das minhas aulas de natação de quando eu tinha só 3 aninhos… João se esbaldou na piscininha inflável dele. Na verdade, ele quase não cabia nela, mas nem ligou… Água o dia todo, de bundão pro alto, sem fralda, com a vida que pediu a Deus. Uma delícia! Uma coisa é certa: a mamãezinha aqui vai procurar uma escola de natação para o pequeno. Ele vai amar!

É uma simpatia!
Gente, possa falar? Não é querendo me gabar, não, mas o meu filho é muito simpático, hahahaha… Ele ama todas as pessoas, adora conversar, bater papo, passear,  ver gente nova, coisas novas… Ele adorou a natureza, ficou encantado com os passarinhos, com as árvores, a terra, as plantas… Ele sorria para tudo! Deu muita dó de voltar pra casa. Definitivamente, precisamos fazer isso mais vezes: sair de casa, conhecer lugares novos, colocar o João em contato com coisas novas sempre. Isso faz bem para ele, para o nosso relacionamento em família e até para o meu casamento.

Um grande ano de 2010 a todos e que Deus os abençõe sempre!

PS: Olha as fotos do nosso passeio aí!

Anúncios

9 comentários sobre “O primeiro reveillón de nós três!

  1. Claro que ele tinha que ser simpático, gostar de gente e ser dado, afinal vc e o Mosca são assim.
    Que bom ter dado tudo certo ! Que venham muitas viagens na vida de vcs.
    Beijo grande !

  2. Maricotinha disse:

    Queridos!!!
    Amamos recebê-los e foi um Reveillon mais do que especial com vocês. E o João é muito lindo e bonzinho!
    AAAAAmo vocês!!!
    Obrigada pela amizade e companheirismo sempre!

  3. a Fabi que gostoso poder participar desses momentos tão lindo fomos para a praia no final do ano……eu não me preparei tanto assim como voce, pois o Yago já está basicamente acostumado á viagens curtas de 01 hora que a gente sempre faz nos finais de semana para Nazaré Paulista, só que desta vez a viagem foi longa de umas 04 horas e meia, fomos para Juquehy há que lugar lindo de ficar ficamos lá 06 dias…tudo foi tranquilo na maior parte do tempo o Yago dormiu ficou por 04 horas seguindas sem mamar, tomou suco na cadeirnha e agua, comeu salgadinho e não deu trabalho , chegando proximo a nosso destino ele chorou e eu pulei para o banco de trás e dei mamar claro ele se esbaldou de leite…..chegando lá já foi logo para a piscininha dele, e olha que ele entrou na grande também , tá tudo no blog http://www.kellycristina.bebeblog.com.br e no orkut…..
    eu particularmente adoooorei foi umas férias merecidas….
    Para voce e toda sua familia desejo que em 2010 tudo se concretize, tudo o que voces planejaram em 2009 possam ser realizados em 2010…

    Feliz Ano todo….com muita saude, muitas festas, muitas alegrias…

  4. Yochi disse:

    Faltou mostrar o Joao usando a boia ao contrario!!!

    A foto q eu mais gostei!!!

    Adoramos receber voces!! agora falta conhecer Pouso Alegre!!

    Beijocas Vizinhos!

  5. Atrasada que só eu! Um super feliz 2010, família!!! Só agora que deu pra passar por aqui e amei saber das novidades. João está cada dia mais lindo e esperto e virada de ano não poderia ter sido melhor. Que bom que deu tudo certo na viagem. A gente vai aprendendo, né?!
    Beijo grande.
    Felicidades!!!

  6. Ministério da Saúde disse:

    Olá blogueiro,

    Dê ao seu filho o que há de melhor. Amamente!

    Quando uma mulher fica grávida, ela e todos que estão à sua volta devem se preparar pra oferecer o que há de melhor para o bebê: o leite materno.

    É muito importante, tanto para o bebê como para a mãe, amamentar até os dois anos de idade ou mais. O leite materno é o único alimento que o bebê precisa, até os seis meses. Só depois se deve começar a variar a alimentação.

    Acontece que nem todas as mães sabem de todos esses benefícios e deixam de amamentar mais cedo. Você pode ajudar nessa campanha divulgando materiais e informações por meio do seu blog.

    Caso se interesse, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br e participe.

    Obrigado pela colaboração!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s